Depois de Paola e Solano, agora é a vez de Cauã gravar em MS

Há alguns meses, Dourados, município a 225 quilômetros da Capital, recebia atores globais para a a gravação do longa “Em Nome da Lei”, baseado na história do juiz Odilon de Oliveira. Agora, o município de Bela Vista na região de fronteira com o Paraguai, é o escolhido para ser cenário do longa “A Curva do Rio Sujo”, que conta com o ator Cauã Reymond. O ator está em Mato Grosso do Sul desde sexta-feira (19), mas as gravações começaram nesta segunda-feira (22).

O filme de Felipe Bragança a qual o ator faz parte é baseado em um livro de contos de Joca Reiners Terron. Na produção, o ator interpretará o motoqueiro agroboy líder de uma gangue e responsável pelo assassinato de um índio.

A primeira publicação do ator no Instagram em Mato Grosso do Sul foi há dois dias, mostrando um pôr do sol da região. Vários fãs comentaram elogiando a foto e a presença do artista no município.

No domingo (21), o ator compartilhou a imagem de uma janela e hoje uma foto em que aparece careca para o personagem. Ele também aproveitou o domingo para malhar em uma academia da cidade.

OUTRAS GRAVAÇÕES

Essa já é a terceira vez que um filme é rodado em Bela Vista. O primeiro foi ‘I Love You é Serio’ do diretor Obadias de Farias. Os Matadores de Beto Brant, foi o segundo, e agora, A Curva que terá no elenco atores e atrizes de Bela Vista.

Posts Relacionados

Facebook Comments