Roberta Miranda se emociona com o público do Fasp cantando os seus maiores sucessos

Roberta Miranda se emociona com o público do Fasp cantando os seus maiores sucessos

Campo Grande (MS) – O público do Festival América do Sul Pantanal (Fasp) surpreendeu a cantora Roberta Miranda, a rainha do sertanejo, cantando seus grandes sucessos durante o show “Os Tempos Mudaram”, realizado na noite de domingo. Os fãs lembraram da letra de kits antigos como “São Tantas Coisas”, gravado em 1986, enquanto a cantora recorria a “cola” em seu celular. Roberta se emocionou em alguns momentos ao sentir o carinho da plateia.

“Amo cada um de vocês, estou até emocionada”, disse ela, que neste show comemora 30 anos de carreira e mais de 18 milhões de discos vendidos. A cantora foi a primeira artista da história da música popular brasileira a vender mais de 1,5 milhão de cópias em seu álbum de estreia intitulado “Roberta Miranda” em 1986, conquistando Discos de Ouro e de Platina.

A turnê de “Os Tempos Mudaram” traz um repertório de músicas inéditas e grandes sucessos, como “Meu Dengo”, “São Tantas Coisas”, “Vá com Deus”, “Cadê Você?”, “Ainda Ontem Chorei de Saudade” e “Majestade o Sabiá”, que abriu o show em Corumbá. Acompanhada apenas por quatro músicos, a cantora teve a participação do público – jovens ou adultos -, que cantou todas as músicas do show. “Olha, vocês são dez, estou amando estar aqui neste festival maravilhoso”, disse.

Fãs gravam no celular o show nostálgico de Roberta Miranda, a rainha do sertanejo e campeã de venda de discos

Homenagem

Antes de subir ao palco principal do Festival América do Sul Pantanal, armado na Praça Generoso Ponte, centro da ciade, Roberta Miranda recebeu em seus camarins um grupo de indígenas das tribos guarani-kaiowá, terena, guató e kadiwéu que lhes prestaram uma homenagem. “Eles também são meus fãs, ficou feliz, eles são os verdadeiros donos da terra e merecem todo nosso respeito”, falou a cantora, se atrapalhando com papéis entregues pela produção.

Ao final do show, Roberta Miranda contou que o projeto do DVD, que leva o nome da sua turnê, festeja a sua carreira – uma pioneira no cenário feminino da música sertaneja -, trazendo um time de participações da nova gerada, como Maiara & Maraisa e Marília Mendonça. Sobre sua participação no Fasp 2018 disse que ficou encantada com a receptividade do público e elogiou o Governo do Estado e a Prefeitura de Corumbá pela realização de um festival que celebra a latinidade.

Texto e fotos: Sílvio Andrade – Subsecretaria de Comunicação

Posts Relacionados

Facebook Comments