Prêmio Mariluce Bittar recebe inscrições até dia 31 de maio

Prêmio Mariluce Bittar recebe inscrições até dia 31 de maio

Campo Grande (MS) – Com inscrições até 31 de maio, a Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), instituiu o “Prêmio Mariluce Bittar: Boas Práticas de Gestão na Assistência Social 2018”, como instrumento para identificar, disseminar e reconhecer práticas bem sucedidas desenvolvidas pela política de assistência social e que estejam contribuindo para modernização, inovação, eficácia e eficiência do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

Os interessados podem realizar a inscrição de forma gratuita, devendo enviar à Sedhast, até o prazo estabelecido no cronograma, toda documentação necessária constante na publicação, observando a correta forma de envio. Neste link é possível acessar mais informações para a realização da inscrição.

Podem participar da seleção para premiação, os municípios que tenham práticas que contribuam de forma efetiva e comprovada com a consolidação do SUAS nas seguintes categorias: 1) serviços socioassistenciais; 2) benefícios e programas socioassistenciais; e 3) gestão do SUAS.

São consideras boas práticas as atividades inovadoras, criativas e com resultados comprovados, implementadas e executadas por gestores, profissionais do SUAS, conselheiros, com o objetivo de aumentar a qualidade dos serviços socioassistenciais entregues aos cidadãos e que estejam em consonância com os instrumentos normativos que baseiam o SUAS.

Mariluce Bittar

A professora Mariluce Bittar, falecida em 18 de fevereiro de 2014, formada em Serviço Social pelas Faculdades Unidas Católicas de Mato Grosso (FUCMT), doutora em Educação pela Universidade Federal de São Carlos e Pós-Doutora em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina, foi professora da UCDB desde 1987, fez parte do corpo docente e programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE), teve papel importante na implantação, inclusive, coordenando o Mestrado, entre os anos de 2001 e 2007. Nos inúmeros cargos que acumulou na carreira profissional, era reconhecida internacionalmente onde recebeu vários prêmios.

Leomar Alves Rosa – Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast)

Posts Relacionados

Facebook Comments