Policiais fecham restaurante que vendia pratos feitos com carne humana


Cabeças decapitadas foram encontradas no local.

Um restaurante foi fechado após a descoberta de que o local vendia pratos feitos com carne humana. O estabelecimento fica em um hotel do estado de Anambra, na Nigéria. 

Os oficiais receberam um comunicado sobre o local, e foram averiguar. Eles prenderam 11 pessoas, incluindo o proprietário. 

Duas cabeças decapitadas foram recolhidas. Elas estavam ensanguentadas e embrulhadas em folhas de papel celofane. Segundo as autoridades, existia no próprio cardápio a opção de “cabeça humana assada”. A polícia também descobriu diversas armas, incluindo duas AK-47, dezenas de cartuchos de munição e vários telefones celulares

Um morador local contou que sempre via pessoas estranhas indo no restaurante. Um pastor que já comeu no estabelecimento se disse chocado ao saber que os pratos eram feitos de carne humana. “Eu comi no restaurante e a conta foi muito cara. Os funcionários me disseram que eu comia carne humana. Eu fiquei chocado”, contou