Polícia investiga se universitário atropelou e matou jovem por motivos passionais

Polícia investiga se universitário atropelou e matou jovem por motivos passionais

Continua preso preventivamente o estudante de medicina veterinária de 33 anos, que atropelou e matou o jovem Matheus Santos de 21 anos neste domingo (11), no Bairro Estrela Dalva, em Campo Grande.

A polícia investiga se o atropelamento tenha sido criminoso, já que testemunhas afirmaram que o autor supostamente teria um envolvimento amoroso com a mulher da vítima, de 22 anos de idade.

Nesta segunda-feira (12), o estudante de medicina veterinária passou por audiência de custódia e a prisão temporária foi convertida em prisão preventiva devido à gravidade do acidente. Durante a audiência, ele se manteve calado.

Thatiana Melo e Mariana Rodrigues

Posts Relacionados

Facebook Comments