Pesquisadores coletam informações em diversos terminais para elaboração do Plano Diretor de Transportes

Pesquisadores coletam informações em diversos terminais para elaboração do Plano Diretor de Transportes

Campo Grande (MS) – Desde quinta-feira (4.), mais dois municípios de Mato Grosso do Sul estão recebendo os pesquisadores que estão em campo realizando a coleta de informações para o Plano Diretor de Transporte Coletivo Rodoviário Intermunicipal de Passageiros de Mato Grosso do Sul (PDTC/MS). Os trabalhos, que começaram no dia 26 de junho, seguiram ao longo de toda a semana, e chegaram a Nova Andradina e Três Lagoas. A pesquisa é feita por meio de entrevistas presenciais com passageiros.

Essa fase do levantamento começou em Campo Grande, Dourados, Ponta Porã e Jardim, sendo concluídos ainda no fim de junho.

Nesta primeira semana de julho, usuários foram entrevistados em Maracaju, Miranda, Naviraí, e também Aquidauana. A programação abrangeu, em seguida, a região Norte, com entrevistas em Coxim.

Cumprido os cronogramas naqueles municípios, os pesquisadores seguiram desde ontem (4) para Nova Andradina e Três Lagoas, onde devem encerrar o trabalho nesta segunda-feira 8.

Esses terminais foram definidos no planejamento da pesquisa, com base em requisitos estabelecidos no contrato com a empresa consultora especializada. São municípios que têm o maior número de linhas com início e/ou fim naquela localidade e que são representativos da região onde se encontram. Nesses locais é feita entrevista detalhada com viajantes que estão chegando ou se dirigindo a dezenas de outros municípios, o que significa que mesmo sem estar em todas as cidades, o levantamento coleta, por amostragem, informações de quem utiliza as linhas do transporte intermunicipal para todos os destinos de Mato Grosso do Sul.

Coordenada por especialistas da consultoria contratada Gistran Gerenciamento de Informações e Sistemas de Transportes, a pesquisa é realizada por pessoal treinado e com experiência, e conta também com apoio de fiscais da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan).

Após o levantamento nos terminais, a pesquisa de campo terá uma segunda fase, com os pesquisadores embarcados, viajando nas linhas para coleta de outros dados.

Questionário

A pesquisa de campo, junto com o levantamento de dados nos sistemas da Agepan, faz parte da primeira etapa de elaboração do Plano. Os usuários são questionados na Pesquisa Origem e Destino e na Pesquisa de Satisfação e Preferência.

A primeira visa identificar informações como início e local de desembarque; motivação; se haverá continuidade da viagem utilizando uma outra modalidade; idade, faixa etária e renda média do entrevistado. A segunda expande o universo de levantamento, buscando a classificação da satisfação quanto a conforto, segurança, preço da passagem e horário oferecido, entre outros itens.

Gizele Oliveira –  Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan)

Foto: Divulgação

Posts Relacionados

Facebook Comments