Com sinais de depressão, policial militar de Bela Vista tira a própria vida

Com sinais de depressão, policial militar de Bela Vista tira a própria vida

O policial estava na casa da sua mãe

O policial militar aposentado, José Nestor Fernandes Lopes, de apenas 43 anos, natural de Bela Vista, foi encontrado enforcado em uma residência, localizada na Rua Dionizio Areco, no bairro Espírito Santo. A ocorrência foi registrada no final da tarde desta quarta-feira (30).

Documento de José Nestor: Divulgação
De acordo com informações passadas no local do fato, a residência pertence a mãe do policial, que estava tomando banho no momento do suposto suicídio. O policial era divorciado e não tinha filhos.

Ainda segundo amigos da família, há alguns meses, José Nestor tentou o suicídio na residência de familiares, em Campo Grande. As atitudes do bela-vistense indicam um provável problema grave de depressão, decorrente do estresse inerente, do seu dia a dia, e até mesmo de situações que ocorreram quando José Nestor ainda estava na ativa da Polícia Militar.

Além de colegas de farda, familiares acompanham o trabalho da Perícia no local do incidente. O corpo deve ser levado para o Instituto Médico Legal, em Dourados.

Suicídios no Brasil
O número de policiais que cometem suicídio no Brasil é maior que a quantidade que morrem em decorrência de confronto nas ruas, enquanto estavam em serviço.

Para especialistas da segurança pública, o volume de suicídios acende um alerta sobre a necessidade de as corporações prestarem melhor assistência à saúde mental dos agentes. Militares relatam que o trabalho na polícia também acarreta uma série de problemas de saúde, pessoais e psicológicos.

Segundo pesquisas, o estresse da profissão, não seria o maior problema, e sim a falta de mecanismos para coibir o adoecimento dos policiais militares.

bvnewsms

Posts Relacionados

Facebook Comments