Netflix anuncia série de “Os Cavaleiros do Zodíaco”; relembre momentos do anime

Netflix anuncia série de “Os Cavaleiros do Zodíaco”; relembre momentos do anime

A Netflix anunciou em um evento em Tóquio nesta quarta-feira (2), que irá produzir em parceria com a Toei Animation uma nova série de “Os Cavaleiros do Zodíaco”, anime de grande sucesso no Brasil.

A animação será um reboot da série original de Masami Kurumada e trará traços que estamos acostumados nos animes da atualidade.

Ainda não há previsão de lançamento ou detalhes sobre o número de episódios, mas é provável que a Netflix não demore a distribuir o anime para a sua fiel base de fãs.

Os Cavaleiros do Zodíaco é uma das grandes obras da revista Weekly Shonen Jump de todos os tempos. Publicada de 1986 até 1990, o mangá fez um grande sucesso na sua adaptação para a televisão.

Com três sagas originais adaptadas, além da exclusiva aventura em Asgard feita para a TV, o anime contou com diversos momentos emocionantes nas batalhas do Santuário, Poseidon e contra Hades. A Jovem Pan separou alguns deles para você relembrar e se preparar para a nova versão.

Seiya contra o brasileiro Aldebaran

A primeira batalha no Santuário de Atena colocou Seiya contra o imponente Aldebaran. O cavaleiro de bronze teve o seu potencial testado e prometeu arrancar o chifre da armadura de ouro do brasileiro. No fim, ele conseguiu cumprir o prometido.

Sacrifício De Cássius

Um dos momentos mais emocionantes da Saga do Santuário foi o sacrifício de Cássius para salvar Seiya de Aioria de Leão, que estava sendo controlado pelo Satã Imperial do Mestre do Santuário. O rival do cavaleiro de bronze então recebe um golpe mortal de propósito para que Aioria voltasse ao normal e acaba morrendo ali, nos braços de Seiya.

Reprodução

Shaka de Virgem

Quem assiste Cavaleiros do Zodíaco pela primeira vez fica curioso com a tamanha expectativa sobre Shaka de Virgem, que mantém seus olhos fechados para acumular poder. Quando ele faz isso na luta contra Ikki de Fênix, conhecemos o tamanho de suas habilidades, que o tornaram como um dos cavaleiros mais queridos do público.

Morte de Shura

A luta entre Shiryu e Shura de Capricórnio reservou diversas emoções aos fãs do anime. Descobrimos que o cavaleiro de ouro foi o responsável por matar Aioros de Sagitário, que foi acusado injustamente de trair o santuário e que também possui a espada excalibur em seu braço direito. O dragão precisou dar um golpe suicida para vencer Shura, mas este deu a sua armadura de ouro como último ato para salvar o jovem cavaleiro.

Hyoga derrota seu mestre

Camus e Hyoga é certamente a batalha mais interessante que aconteceu no Santuário de Atena. O mestre do cavaleiro de Cisne o testou até seus limites, fazendo-o chegar ao zero absoluto com a Execução Aurora. Na disputa, Camus acabou sendo morto e Hyoga ficou caído, inconsciente na casa de Aquário.

Redenção de Saga

Saga de Gêmeos foi o grande vilão da Saga do Santuário, assassinando o antigo mestre para assumir o seu lugar. O poderoso cavaleiro possui duas personalidades e na maior parte do tempo viu sua parte má controlar as ações contra Atena. Derrotado por Seiya, o cavaleiro golpeou a si mesmo com o cetro de Athena.

Seiya e companhia com armaduras de ouro

Na luta contra o deus dos mares Poseidon, Seiya, Hyoga e Shiryu receberam as armaduras de outro de Sagitário, Aquário e Libra para terem chances contra o poderoso inimigo. Essa foi a primeira vez que o trio utilizou juntos as mais poderosas armaduras de Atena.

Reprodução

Dohko libera seu poder

O início da Saga de Hades é o ponto mais alto da história de Saint Seiya. A primeira alegria dos fãs foi presenciar o encontro entre Shion e Dohko, companheiros da última Guerra Santa. O mestre de Shiryu revelou que usou a técnica Mesopotamneos, que diminuiu os batimentos de seu coração e o fez conservar a sua juventude para lutar contra o antigo Mestre do Santuário.

Shaka enfrenta Shura, Camus e Saga

A melhor luta de todos os tempos em Os Cavaleiros do Zodíaco foi protagonizada por Shaka de Virgem e as versões espectros de Saga, Shura e Camus. Sozinho, o cavaleiro de virgem conseguiu segurar os seus ex-companheiros e protagonizou uma bela passagem sobre o sentido da vida, baseado nos ensinamentos de Buda.

Exclamação de Athena

Após matarem Shaka com a Exclamação de Athena, os espectros enfrentam Mu de Áries, Aioria e Milo no lado de fora da Casa de Virgem. Os trios utilizaram o golpe proibido por Athena e quase destruíram todo o santuário, sendo parados por Seiya, Hyoga, Shun e Shiryu.

Shun vira Hades

Uma das surpresas da Saga de Hades é que, quando bebê, Shun de Andrômeda foi destinado a se tornar o receptáculo do deus do submundo. Em certo momento, o cavaleiro deixa a sua personalidade e acaba dominado por Hades, mudando a cor verde de seu cabelo para vermelho.

Reprodução

Ikki contra Aiacos

Ikki sempre aparece nos momentos de maior tensão e não foi diferente na Saga de Hades. O cavaleiro de bronze mostrou o seu grande poder mais uma vez ao desafiar os três juízes do inferno e vencer Aiacos de Garuda.

Reprodução

O adeus dos Cavaleiros de Ouro

Os Cavaleiros de Ouro são unanimidade entre os fãs de CDZ e emocionaram o público ao se reunirem à frente do Muro das Lamentações. Essa foi a primeira e última vez que os 12 cavaleiros dourados apareceram juntos, dando as suas vidas para destruir a parede que separava o inferno do Elísios.

Armaduras divinas e luta contra Hades

A batalha contra Hades não foi nada fácil. Mesmo vestindo as armaduras de ouro, Seiya e seus amigos não foram páreo para Hypnos e Thanatos, deuses do sono e da morte. Apenas com o nascimento das versões divinas de suas armaduras eles conseguiram passar pelos inimigos e finalmente desafiar o verdadeiro corpo de Hades.

Atena apareceu para ajudar, recebendo a sua armadura divina e derrotou o irmão de Zeus com seu cetro, após Seiya sacrificar sua vida para salvá-la da espada do vilão.

Reprodução

Posts Relacionados

Facebook Comments