Motorista é autuado em mais de R$ 10 mil por armazenamento ilegal de combustível na Capital

 Polícia Militar Ambiental (PMA) de Campo Grande autuou e multou em R$ 10,42 mil nesta terça-feira (31), um motorista que havia sido preso pela Polícia Militar (PM) por armazenamento ilegal de combustível, no bairro Cophasul, na Capital. Foram apreendidos 4,2 mil litros de combustível. 

Os policiais militares ambientais foram acionados pela manhã, para a execução do auto de infração administrativo e estruturaram a logística para remoção do material no período da tarde. Foram apreendidos 1,58 mil litros de gasolina, 1,72mil litros de diesel e 950 litros de álcool.  O infrator foi autuado administrativamente e recebeu multa no valor de R$ 10,42 mil.

O autuado responderá por crime ambiental previsto pela lei 9.605/98: (Art. 56. Produzir, processar, embalar, importar, exportar, comercializar, fornecer, transportar, armazenar, guardar, ter em depósito ou usar produto ou substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde humana ou ao meio ambiente, em desacordo com as exigências estabelecidas em leis ou nos seus regulamentos). Com pena de um a quatro anos de reclusão.

A PMA aguardará o laudo pericial para a verificação de normalidade do material e, se não houver adulteração, solicitará ao Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) para que haja o perdimento administrativo e a doação legal urgente do produto perigoso.

 Ms RECORD