Moradores ficam sem combustível e sem gás de cozinha em Bela Vista

Moradores ficam sem combustível e sem gás de cozinha em Bela Vista

A greve dos caminhoneiros comprometeu o abastecimento de combustíveis, gás de cozinha e até de alimentos em Bela Vista (MS). Eles afirmam que os produtos encontrados nas prateleiras dos supermercados já sofreram reajuste em consequência da paralisação.

De acordo com um motorista que transporta legumes, verduras e frutas até um supermercado na cidade, a dificuldade em conseguir comprar alimentos é grande. Ele afirma que além da escassez, o custo é outro impedimento.

Apesar das dificuldades, a aposentada Maria defende as paralisações dos caminhoneiros. “Tem que abaixar o combustível. Se não melhorar o preço do combustível, nada abaixa porque tudo depende do combustível do caminhoneiro”, afirma.

Sem gás para cozinhar e sem gasolina

Para uma proprietária de uma padaria, a situação é delicada. Ela conta que o gás acabou e que hoje dia (28) a padaria não consegui produzir pães francês, ficando no prejuízo.

Sobre a falta de gás, a dona de uma distribuidora conta que o estoque do produto terminou nesta sexta-feira (25). Eela diz que os moradores não param de procurar o estabelecimento em busca do produto.

“O tempo todo tem pessoas procurando porque estão assustadas, achando que a greve vai demorar muito e ficar sem o gás para cozinhar”.  Um outro prorietario esta na mesma situação, desta sexta-feira sem gás.

0s postos de gasolina de Bela Vista, todos estão sem combustível, afetando de forma direta a comunidade. A prefeitura municipal de Bela Vista publicou nota na rede social pedindo compreensão dos moradores.

A Prefeitura Municipal de Bela Vista, vem por meio desta, informar a toda a população que, a partir desta sexta-feira, dia 25, devido ao desabastecimento nos postos de combustíveis do nosso município provocado pela greve dos caminhoneiros, até que se normalizem os serviços de transporte, em especial o de combustíveis, não terá condições de manter a totalidade do atendimento à população, sendo obrigada a suspender serviços que dependam de combustível.

Na educação apenas o transporte escolar está suspenso, às aulas ocorrerão normalmente na área urbana. Na saúde o atendimento acontecerá normalmente e o encaminhamento para outros municípios só será feito aos pacientes de alto risco.

As Secretarias de Obras e Desenvolvimento Econômico também suspenderam os serviços com os maquinários e a Secretaria de Assistência Social segue os atendimentos nos CRAS 1 e 2 e suspendeu às visitas técnicas.

A administração municipal conta com a compreensão de todos. Os serviços de transporte serão retomados na sua totalidade assim que a situação esteja normalizada.

Ademir Mendonça – Fronteira News

Posts Relacionados

Facebook Comments