MIS e CineCafé homenageiam cem anos do diretor sueco Ingmar Bergman que deixou um legado para a sétima arte

MIS e CineCafé homenageiam cem anos do diretor sueco Ingmar Bergman que deixou um legado para a sétima arte

Campo Grande (MS) – Para homenagear os cem anos de nascimento do diretor sueco Ingmar Bergman, considerado um dos maiores cineastas da história, o Museu da Imagem e do Som (MIS) em parceira com o  cineclube CineCafé  realizam  a partir desta terça-feira (3.7) até sexta-feira (6.7), sempre às 19h e com entrada franca, uma mostra de filmes escritos e dirigidos por ele. Traga sua caneca, pois após as sessões haverá debate sobre o filme exibido com rodada de chá e café.

Maltratado na infância por seu pai, Ingmar Bergman se superou com um trabalho voltado para o cinema deixando como legado uma extensa filmografia em que retrata em alguns de seus filmes a dura vida vivida na infância. Nascido em Uppsala na Suécia em 14 de julho de 1918, Bergman morreu aos 89 anos. O diretor foi aclamado pela crítica e ganhador do Oscar pelo filme Fanny e Alexandre, realizou mais de 50 filmes e 125 produções teatrais e foi inspiração para muitos cineastas, dentre eles Wood Allen. Alguns filmes foram destaques como  O Sétimo Selo de 1956, do gênero drama, escrito e dirigido pelo diretor. O filme é baseado numa peça de teatro de autoria do mesmo.

Cena do filme “Morangos Silvestres” de 1957.

Já Morangos Silvestres  é um premiado filme de 1957, um  drama também, escrito e dirigido por Bergman. O título original, em sueco, refere-se ao lugar (stället) onde se encontram morangos silvestres (smultron).

Mónica e o Desejo, ou Verão com Mônica, é um filme  de 1953. Gerou controvérsia no país natal do diretor e no estrangeiro pelo seu retrato da nudez feminina, em conjunto com o filme Um Verão de Felicidade, do ano anterior, realizado por Arne Mattsson, gerando a reputação da Suécia como país sexualmente liberal.

Sua última produção cinematográfica foi Saraband, um drama familiar feito para a televisão em 2003, altamente elogiado.

Sinopses:

3.7 – O sétimo selo

Ano de lançamento: 1957

  • Após dez anos, um cavaleiro retorna das Cruzadas e encontra o país devastado pela peste negra. Sua fé em Deus é sensivelmente abalada e enquanto reflete sobre o significado da vida, a Morte (Bengt Ekerot) surge à sua frente querendo levá-lo, pois chegou sua hora. Objetivando ganhar tempo, convida-a para um jogo de xadrez que decidirá se ele parte com a Morte ou não;

4.7 – Mónica e o Desejo

Ano de lançamento 1953

  • Harry Lund tem 19 anos de idade e trabalha numa loja de porcelanas. Quase vizinho a ele, na loja de verduras, trabalha Monika, uma simpática e alegre garota de 17 anos. Assim que eles se conhecem a paixão explode. Mas por causa da idade deles, os dois sofrem com a intereferência dos mais velhos. Monika briga com os pais e decide sair de casa. Harry discute com o chefe e pede demissão. Sem mais nada que os prendem na cidade, os jovem decidem fugir de barco para uma ilha e passar algumas semanas juntos. Gênero: comédia dramática; Duração: 1h35; Nacionalidade: Suécia

5.7 – Noites de Circo

Ano de lançamento: 1953

  • No interior da Suécia, uma decadente companhia circense se prepara para um novo espetáculo. O diretor do circo, Albert, vive uma relação infernal com sua jovem amante, Anna. A situação piora quando ela se deixa seduzir por um ator local. Gênero: Drama; Duração: 1h33; Nacionalidade: Suécia

6.7 – Morangos Silvestres  

Ano de lançamento : 1957

  • Isak Borg (Victor Sjöström) é um professor de medicina que revisita vários momentos marcantes de seu passado durante uma viagem de carro até sua antiga universidade, onde ele irá receber uma honraria. Acompanhado de sua nora Marianne (Ingrid Thulin) ele evoca a memória de sua família e de sua ex-namorada. Durante a viagem ele conhece uma garota adolescente que em muito se assemelha a Sara, seu antigo amor. A jovem pega carona com o professor e Marianne. Quanto mais Borg recorda as decepções e desilusões que viveu, mais ele se sente frio e cheio de culpa. Esses sentimentos se afloram quando ele encontra seu filho, igualmente frio e ressentido. Gênero: Drama; Duração: 1h32; Nacionalidade: Suécia

O Especial 100 de anos de Bergman acontece no MIS, de 3 a 5 de julho, às 19h, e a entrada é de graça. O MIS está localizado na avenida Fernando Corrêa da Costa, 559 Memorial da Cultura Apolônio de Carvalho, no terceiro andar.

André Messias – Fundação de Cultura de Mato G

Posts Relacionados

Facebook Comments