Gripe suína não avança com o frio, mas 37 cidades notificam casos em MS

A maior onda de frio dos últimos anos em Mato Grosso do Sul não causou o aumento expressivo no número de casos da gripe causada pelo vírus H1N1, mais popular como gripe suína. Foram apenas 21 novos casos nesta semana, de 421 para 447, segundo o boletim divulgado hoje pela Secretaria Estadual de Saúde.

No entanto, a doença já foi notificada em 37 dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul. O maior número de casos foi registrado em Campo Grande, com 225 casos, contra 208 do boletim anterior, divulgado na segunda-feira.

Foram confirmadas quatro mortes na Capital, sendo duas pelo vírus H1N1 e duas pelo H3N2. Outras 12 são investigadas no Estado, sendo quatro em Campo Grande.

A Secretaria de Saúde aumento no número de casos com a onda de frio desta semana, quando os moradores do Estado enfrentaram sensação térmica de -10º C. No entanto, não houve o registro de um grande número de novos casos.

 
Saiba Mais