Empresa oferece serviço de faxina com mulheres vestindo apenas lingerie

Empresa oferece serviço de faxina com mulheres vestindo apenas lingerie

Faxineiras de lingerie são nova moda no exterior

Uma empresa escocesa está oferecendo um serviço inusitado: faxina feita por mulheres – e alguns homens – vestindo apenas peças íntimas ou até mesmo com nenhuma roupa. Ao todo, a Glimmer conta com apenas 15 funcionários: 12 mulheres e três homens, que cobram mais conforme a quantidade de roupa diminui.

Criadora da empresa, a britânica Victoria Murphy, de 25 anos, é formada em Gestão de Eventos e afirma que sempre quis entrar no mercado adulto, mas sem pegar muito pesado.

“Eu sabia que queria algo no nicho adulto, que seria divertido e indecente, mas sem ser extremo”, explica Victoria em entrevista publicada nesta sexta-feira (12) no Daily Mail. Ela ainda acrescenta que, embora envolva nudez, o serviço não inclui sexo. “Nós não somos um serviço de acompanhantes. O que oferecemos é diversão”.

De lingerie e roupa íntima, o serviço de limpeza custa 55 libras por hora (o equivalente a R$ 281); com topless, o valor sobe para 65 libras/hora (cerca de R$ 332); totalmente nua/nu, o hora de faxina vai a 75 libras (aproximadamente R$ 383).

Para trabalhar na empresa, o único requisito declaradamente necessário é ter experiência com limpeza, mas Victoria destaca que uma “boa personalidade” também é imprescindível: “Isso porque interagir com o cliente, conversar e fazê-lo se sentir confortável com a parte da nudez é o que faz alguém ideal para esse trabalho”.

Em um dos posts de anúncio nas redes sociais, a empresa diz: “Não deixe a limpeza ser uma tarefa, reserve um de nossos talentosos funcionários para fazer isso por você”.

Recentemente, outra empresa do ramo chamou atenção ao oferecer um salário de R$ 215/hora para um emprego do tipo. Você toparia fazer faxina pelada/pelado?

redetv

Posts Relacionados

Facebook Comments