Em meio ao caos, Rodrigo Caio não esconde desejo em ir à Europa

Tido como um dos candidatos à zaga da Seleção Brasileira pelo técnico Tite, Rodrigo Caio vem sendo especulado em alguns clubes da Europa. Com a abertura da janela de transferências europeia, o São Paulo tenta evitar a saída do zagueiro para o exterior, que não esconde de ninguém o sonho de atuar no futebol do Velho Continente.

Recentemente o diretor executivo de futebol Vinícius Pinotti declarou que o São Paulo não tinha a intenção de vender Rodrigo Caio, priorizando a gestão esportiva do clube, embora o zagueiro possa contribuir, e muito, financeiramente ao clube. Questionado sobre as declarações do dirigente, o defensor foi sincero.

“Eu sempre converso bastante com ele e eu acho que nossas conversas são bem claras. Ele sabe que tenho o sonho de jogar na Europa um dia, mas meu pensamento está totalmente aqui. Sou um cara que não gosto de pensar no futuro, meu sustento vem daqui”, disse Rodrigo Caio.
Rodrigo Caio é um dos pilares do time são-paulino e um dos poucos poupados pela torcida (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)
Embora Rodrgo Caio sonhe em jogar na Europa, o desejo de participar de uma Copa do Mundo é maior do que qualquer coisa no momento. A menos de um ano para o Mundial da Rússia, a titularidade que possui garantida no São Paulo pode pesar para que o defensor opte por permanecer onde foi formado. Ainda assim, ele faz questão de enfatizar que o se foco está voltado para a partida do próximo domingo, da qual o Tricolor precisa mais do que nunca sair com os três pontos.

“O que acontecer no futuro a gente vai sentar para conversar, analisar o que é bom para as duas partes, mas primeiramente quero pensar somente no São Paulo, ganhar jogos, voltar a sermos um time competitivo. Espero que possamos fazer um belo jogo no domingo e vencer”, concluiu Rodrigo Caio.

Com dez pontos em nove jogos neste Brasileirão, desempenho que garante ao time 0 14º lugar na tabela, o São Paulo recebe o Fluminense neste domingo, às 16h (de Brasília), no estádio do Morumbi.

GAZETAESPORTIVA