Brasileiro do PCC é preso em Bella Vista Norte suspeito de crimes de pistolagem

Brasileiro do PCC é preso em Bella Vista Norte suspeito de crimes de pistolagem

Hélio de Freitas/Campo Grande News

Mais um bandido brasileiro foi preso pela Polícia Nacional do Paraguai acusado de ser matador de aluguel na fronteira com Mato Grosso do Sul. Aldeildo Silva dos Santos, 43, é membro do PCC (Primeiro Comando da Capital) e apontado como um dos pistoleiros que agem a mando da facção criminosa brasileira na luta pelo controle do tráfico de drogas e de armas na região.

 

Aldeildo foi preso por agentes da Divisão de Investigação da Polícia Nacional em Bella Vista Norte, cidade paraguaia vizinha de Bela Vista (MS), a 322 km de Campo Grande.

 

O bandido é procurado no Brasil, onde está condenado a quase 14 anos de prisão. Ao ser localizado pela polícia paraguaia, ele afirmou se chamar Aparecido Silva dos Santos e estava na companhia do cidadão daquele país identificado como Nelson Javier Ibarrola, também fugitivo da justiça.

 

Entretanto, com ajuda de policiais brasileiros, a Polícia Nacional descobriu que o bandido do PCC era na verdade Aldeildo dos Santos, condenado por tráfico de drogas e receptação em Campo Grande e Inocência.

 

Segundo o comissário German Arévalo, chefe de investigações da Polícia Nacional no Departamento de Amambay, Aldeildo também possui outros 24 antecedentes por tráfico de drogas, homicídio, roubo de veículos e associação criminosa. Ele deve ser oficialmente expulso do Paraguai e entregue à Polícia Federal em Ponta Porã nos próximos dias.

Posts Relacionados

Facebook Comments