Argentina goleia Paraguai e decide Copa América contra o Chile

Com Messi em noite de maestro, a Argentina garantiu vaga na decisão da Copa América, ao bater o Paraguai por 6 a 1, em semifinal disputada em Concepción.

Os gols argentinos foram marcados por Rojo, Pastore e Di María, duas vezes, Agüero e Higuaín. Barrios fez o único gol dos paraguaios.

O adversário da Argentina na final será o Chile. A partida acontece no estádio Nacional, em Santiago, neste sábado (4).

É a 27ª vez que a seleção argentina chega a final da Copa América, mais do que qualquer outra equipe sul-americana. Entretanto, a última vez que o time conquistou o título foi em 1993, quando bateu o México por 2 a 1 na final de torneio disputado no Equador.

A semifinal iniciou equilibrada. Com forte marcação, os paraguaios não permitiam ao adversário impor sua maior qualidade técnica.

Uma cobrança de falta, contudo mudaria a história do confronto. Aos 14min, Messi levantou da direita, Rojo dividiu com um zagueiro e ficou com a sobra. Na segunda tentativa, ele acertou o canto direito de Villar. O gol encerrou um jejum da Argentina de mais de 400 minutos sem marcar gols em mata-mata.

O gol forçou o Paraguai a mudar sua postura. Com a marcação mais adiantada, aumentaram os espaços para os atacantes argentinos.

Escalado como armador, Messi recebeu na intermediária, aos 26min, e serviu Pastore. O meio-campista recebeu na entrada da área e bateu cruzado fora do alcance de Villar para fazer o segundo.

Acuados, os paraguaios esboçaram reação no fim do primeiro tempo. Aos 42min, a Argentina errou na saída de bola. Haedo Valvez recuperou e passou para Barrios. Com a defesa rival aberta, o atacante avançou sem marcação até a área e concluiu forte no canto direito de Sergio Romero para descontar.

Com novo ímpeto, os paraguaios foram em busca do empate. Porém, a equipe de Ramón Díaz levou uma ducha de água fria logo após o intervalo.

Após uma troca de passes rápida e envolvente, Pastore lançou Di María em profundidade. O camisa 7 recebeu dentro da área e chutou cruzado para ampliar a vantagem argentina, com apenas 1min no relógio.

Seis minutos depois, Messi fez grande jogada individual, ao driblar três marcadores. Na sequência, ele deu para Pastore, que entrou na área e viu finalização ser defendida por Villar. Porém, Di María ficou com o rebote e empurrou para as redes.

O quarto gol abateu o Paraguai, enquanto deu tranquilidade para a Argentina administrar a diferença de gols. Aos 34min, Agüero ampliou de cabeça, após receber cruzamento da esquerda de Di María, em mais um lance iniciado por Messi.

Aos 36min, Higuaín aproveitou sobra dentro da área e estufou as redes de Villar para fazer o sexto.

Fonte: Folha Press

Posts Relacionados

Facebook Comments