Após pouso forçado, piloto expulsa imprensa de aeroporto e se nega a dar informações

O piloto de uma aeronave que fez um pouso forçado no Aeroporto Auxiliar de Campo Grande Santa Maria expulsou os repórteres que acompanhavam o caso do local e se recusou a dar informações sobre o incidente da tarde desta quarta-feira (2).

 

Por apresentar problemas no trem de pouso, o piloto acionou a Infraero pela torre do Aeroporto Internacional de Campo Grande, mas desistiu de usar a pista e se encaminhou ao Santa Maria.

 

Bombeiros foram chamados para auxiliar o pouso da aeronave, mas quando a reportagem chegou ao local não havia nenhum resgate, nem mesmo alguém da administração do aeroporto. Ele e mais cinco passageiros estavam no avião, que ficou embicado na pista.

 

Irritado, o homem que se identificou como o piloto se recusou a contar o que aconteceu e ameaçou chamar a polícia para a imprensa. Aparentemente ninguém ficou ferido.