ALMA FRONTEIRIÇA! -(Josyel Carvalho)

Numa terra de heróis brasileiros e paraguaios, onde um dia vidas foram tiradas e banhadas de sangue, cada qual defendendo seus ideais e o solo de sua Pátria, hoje respira a paz, a alegria, a cumplicidade e o companheirismo.

Os mesmos sangues derramados na guerra, hoje em dia correm nas veias de ambos os lados, transformando homens e mulheres em seres fronteiriços; sem podermos identificar ao certo onde começa a nossa brasilidade e onde termina nossa alma guarani.

Nessa fronteira em que o rio Apa, belo e brilhantemente nos une, atualmente compartilhamos os mesmos sonhos, os mesmos desejos, os mesmos ideais…E dividimos também os mesmos problemas e as mesmas dificuldades.
Essa mesma fronteira que um dia foi guerra, hoje – felizmente – é uma só e reverencia e idolatra uma mesma bandeira: a bandeira da PAZ!!!! (Josyel Carvalho)

 

Posts Relacionados

Facebook Comments